Sociedade de Pediatria recomenda práticas para o uso de telas infantil

menino viciado em jogosNo começo de 2020 a Sociedade Brasileira de Pediatria divulgou o Manual de Orientação #MenosTelas #MaisSaúde. Com este manual, o intuito é que mais pessoas conheçam as recomendações da própria Sociedade quando o assunto é uso de telas.

Afinal, o excesso de conexão pode ser danoso até para os adultos, então imagine para crianças e adolescentes que estão se desenvolvendo! Pensando nisso, separamos algumas das principais recomendações deste manual, quer acompanhar? Continue lendo e veja as indicações!

Recomendações para uso de telas infantil

Tempo de tela

Para começar a falar sobre uso de telas, a Sociedade Brasileira de Pediatria indicou o tempo ideal de exposição de acordo com a idade:

  • Evitar a exposição de crianças menores de dois anos às telas;
  • Para crianças entre dois e cinco anos, limitar o tempo de telas ao máximo de uma hora por dia, sempre com supervisão;
  • Considerando crianças entre seis e dez anos, limitar o tempo de telas ao máximo de uma ou duas horas por dia;
  • Para adolescentes entre 11 e 18 anos, limitar o tempo de telas a duas ou três horas por dia, com supervisão e evitando que virem a noite no celular, computador ou videogame.

Equilíbrio no uso de telas

Além do tempo de tela, o tipo de conteúdo e o tempo desconectado também foram considerados no manual. Assim, alguns exemplos citados foram:

  • Conversar com as crianças sobre alternativas: atividades artísticas, exercícios, tempo em família com brincadeiras etc.;
  • Criar regras saudáveis para o uso de eletrônicos, além de regras de segurança, senhas e filtros apropriados para a idade;
  • Incluir momentos de desconexão e convivência familiar.

Acompanhamento familiar

Por fim, acompanhar os filhos ajuda a entender se o uso de telas está sendo proveitoso ou não. Assim, algumas dicas são:

  • Saber com quem e onde a criança está, e o que está consumindo nas telinhas;
  • Conteúdos ou vídeos com teor de violência, abusos, exploração sexual, nudez, pornografia etc. devem ser evitados. Além disso, produções inadequadas e danosas ao desenvolvimento da crianças e do adolescentes devem ser denunciados.

Como recomendação geral para todas as idades, evite telas durante as refeições e se desconecte uma ou duas horas antes de dormir, mantendo um uso equilibrado dos eletrônicos.

Gostou das recomendações da Sociedade Brasileira de Pediatria? Pois usando o AppGuardian você consegue garantir várias dessas dicas usando apenas um único aplicativo!

Assim, que tal conhecer essa proposta?

Baixe o AppGuardian no Google Play ou na Apple Store!
Siga a gente no Facebook, dê uma curtida no Instagram, se inscreva no YouTube e visite nosso LinkedIn para mais conteúdos relevantes!